UPSer, treinador de rúgbi e aliado

Liderança dentro e fora do campo na Irlanda
/content/dam/upsstories/images/our-stories/people-led/upser-coach-ally/ShaneDunneRugby_1440x752.jpg /content/dam/upsstories/images/our-stories/people-led/upser-coach-ally/ShaneDunneRugby_768x760.jpg /content/dam/upsstories/images/our-stories/people-led/upser-coach-ally/ShaneDunneRugby_1023x960.jpg

Para Shane Dunne, o rúgbi é uma paixão para toda a vida. Após décadas como jogador e treinador, ele assumiu o comando do Emerald Warriors RFC, uma equipe que, ao competir no seu próprio país e no exterior, cria um espaço de afirmação e inclusão para jogadores e espectadores LGBTQ. O clube é representado por 85% de jogadores que se identificam como gays.

Shane está com a UPS há oito anos, tendo começado como motorista de veículo de entrega em Dublin e trabalhado em diferentes funções em vendas e operações até se tornar gerente de operações.

Ele também treina a primeira e a segunda equipes do Emerald Warriors Club três vezes por semana e as comanda durante os jogos de fim de semana. O treinamento de Shane não foi apenas uma chance de emprestar a sua experiência a uma equipe de rúgbi local, mas também uma oportunidade de se desenvolver como aliado do movimento LGBTQ.

“Como parte do treinamento para ser treinador, fiz um curso para entender melhor os desafios da comunidade gay”, disse Shane. “Como homem heterossexual, isso realmente me ajudou a pensar em minhas noções pré-concebidas e a expandir o meu pensamento, a fim de ser um líder forte para a equipe.”

Uma joia do rúgbi irlandês

O Emerald Warriors RFC foi fundado em 2003 como o primeiro clube inclusivo de rúgbi da Irlanda. Tem como missão remover as barreiras que as pessoas da comunidade LGBTQ frequentemente enfrentam ao praticarem o esporte que amam.

Eles começaram com cerca de 10 jogadores (apenas o suficiente para montar um time) e hoje cresceram para três times e mais de 100 jogadores. As equipes jogam competitivamente tanto dentro da Irlanda, nas ligas locais do condado de Leinster, quanto internacionalmente, em parte graças ao treinamento de primeira linha de Shane.

“Shane tornou-se um grande aliado do clube através do compromisso e da energia que ele traz”, disse Tom Hogan, secretário do clube. “A liderança e apoio dele tiveram um enorme impacto sobre os membros do clube e sobre os planos de desempenho de alto nível.”

Lições para liderança dentro e fora do campo

Como UPSer, Shane sabe da importância de criar um ambiente em que pessoas de todas as identidades não apenas se sintam respeitadas, mas também incentivadas a trazer suas ideias e identidades para o trabalho.

“Em um campo de rúgbi, há lugar para todos, e é o mesmo na UPS”, disse Shane. “Como treinador, mentor ou gerente, tenho de entender a experiência das pessoas e me comunicar com elas para ajudá-las a avançar em direção aos nossos objetivos, seja ganhando uma partida ou entregando encomendas.”

A pandemia reduziu treinos e competições nos últimos tempos, mas não antes que a equipe tivesse uma importante experiência no cenário internacional. Em junho de 2019, o Emerald Warriors RFC sediou, em Dublin, a Union Cup, um torneio de rúgbi inclusivo que recebeu 1.500 jogadores de 40 times de toda a Europa.

Foi a sede adequada, pois a Irlanda foi o primeiro país do mundo a aprovar o casamento gay em um referendo público. Shane está orgulhoso das realizações do país, assim como dos avanços que a UPS tem feito. “A UPS está se tornando um lugar que aplaude a individualidade das pessoas”, disse Shane. “E é ótimo que a comunidade LGBTQ esteja sendo reconhecida. Reconhecer a importância das características que todos trazem à nossa empresa é uma grande mudança, e para muito melhor.”

Histórias relacionadas

Powered by Translations.com GlobalLink OneLink Software